Ventilação industrial para indústrias alimentícias

Sumário

Tem como deixar a indústria alimentícia mais agradável e menos quente? É isso que vamos abordar nesse artigo.

Todos nós sabemos que indústrias alimentícias são locais bem movimentados e com tensão e correria.

Estar preparando um alimento requer foco e rapidez. Mas muitas vezes isso não é possível porque dentro de uma indústria existem muitos profissionais trabalhando a todo o vapor.

Muitas pessoas, muitos alimentos e muita pressa. Tudo isso deixa a indústria cheia de odores, dos mais variados tipos. E também o calor da comida e do corpo humano.

O que fazer? Primeiro vamos ver como funciona a ventilação industrial para depois vermos como ela pode influenciar a sua indústria alimentícia.

Ventilação industrial, como funciona?

Essa solução é um sistema mecânico que renova o ar por meio da movimentação do mesmo dentro de ambientes usando ventiladores.

O sistema é composto por ventiladores centrífugos ou axiais, dutos de exaustão e insuflamento, coletores de impurezas, filtros, dampers e abafadores de ruído. Todos esses equipamentos juntos, ganham mais durabilidade e eficiência.

Quais os tipos de ventilação industrial?

Existem três alternativas para solucionar a questão da ventilação e promover a saúde e garantir uma melhor ventilação. As opções são:

  • Ventilação natural;
  • Ventilação geral diluidora;
  • Ventilação exaustora.

Como funciona na prática, a ventilação industrial?

Como já mencionamos, a ventilação industrial influencia diretamente na saúde, segurança e eficiência ao retirar partículas nocivas à saúde.

Na maioria das vezes, um sistema de ventilação eficiente contará com diversos maquinários para auxiliar na circulação do ar.

Além disso, a ventilação industrial precisa passar por uma manutenção e limpeza periódica porque estamos falando de indústrias alimentícias, então não podemos deixar com que esse aparelho esteja sujo.

Devem ser instalados em locais onde não há a incidência da ventilação diretamente sobre os alimentos, ornamentos e as plantas nas áreas comuns.

Agora vamos ver a importância da qualidade do ar na indústria alimentícia.

Qualidade do ar em serviço de alimentação

A temperatura da cozinha deve estar entre 22 a 26 graus e com umidade relativa do ar de 50 a 60%.

A qualidade do ar no serviço de alimentação exige atenção, para manter o ambiente em perfeito estado e dentro das condições de trabalho, tem que haver ventilação e conforto térmico, por isso é necessária a instalação de um bom sistema de ventilação industrial.

Nós da TECVENT® estamos à disposição para te ajudar a escolher a ventilação industrial.

A ausência de conforto térmico pode trazer mal-estar, dores de cabeça, tontura, náusea, vômitos entre outros fatores.

Limpeza do sistema de ventilação industrial

A limpeza do sistema de ventilação industrial é de extrema importância, pois, um equipamento com acúmulo de gordura terá sua funcionalidade prejudicada, além da questão dos riscos de incêndios, essa limpeza deve ocorrer conforme o fluxo de produção.

Além disso, o ministério da saúde exige a limpeza e a manutenção desse sistema.

Conclusão

Resumindo, a indústria alimentícia precisa e muito da ventilação industrial. Por ser um mecanismo importante e de fabricação com alto grau de exigência técnica, é indispensável encontrar empresa especialista no ramo de climatização industrial.

Por isso nós da TECVENT® estamos prontos para te ajudar. Nós possuímos especialistas que podem te ajudar a escolher um bom sistema de ventilação industrial.

Share on facebook
Share on linkedin
Share on email
Share on whatsapp