Qual o exaustor correto para meu ambiente?

Sumário

Tornar o ambiente de trabalho em um local agradável é vantajoso em diversos aspectos, além da contribuição na produtividade dos colaboradores, a saúde também é impactada.

Dentre tantas soluções para deixar o ambiente industrial agradável e saudável, temos os exaustores industriais, que funcionam de diversas maneiras em cada tipo de ambiente.

Na hora de escolher o exaustor ou sistema de exaustão mais adequado, surgem diversas dúvidas, e isso é muito comum, uma vez que suas variações exijam alguns conhecimentos técnicos específicos de profissionais da área de ventilação industrial.

Pensando nisso, resolvemos trazer uma série de dicas para a escolha do sistema mais apropriado para sua empresa, visando esclarecer as principais dúvidas na hora da decisão.

Acompanhe!

Diferentes tipos de exaustão atendem diferentes indústrias

O sistema de exaustão ideal é aquele que atende com eficácia as necessidades de cada ambiente da sua indústria.

Para escolher qual o melhor modelo de exaustor para cada ambiente da sua empresa, é preciso levar em conta alguns aspectos:

Um bom sistema de exaustão deve ser dimensionado para as necessidades do ambiente e dos seus colaboradores.

Existem diversos tipos de aplicação na exaustão industrial, uma delas é a localizada, indicada para a remoção de fumos de solda em metalúrgicas, onde são utilizados exaustores centrífugos com rede de dutos localizados.

Outra aplicação é a exaustão diluidora, neste processo, os exaustores trabalham em conjunto com insufladores, exaurindo o ar insuflado e promovendo a redução na concentração de poluentes nocivos ao ambiente.

Como escolher corretamente meu sistema de exaustão industrial?

O processo de ventilação é essencial em inúmeras aplicações, como mencionamos acima, as variáveis que mudam são o tipo de ambiente, o ar, o processo produtivo etc.

Há ainda a considerar a resistência ao fluxo de ar – pressão estática – e o ruído produzido pelo exaustor industrial. Por vezes, para uma função específica, é essencial dispor de um exaustor industrial, mas não é claro qual o modelo que se deve escolher ou até mesmo qual a taxa de fluxo de ar necessária.

Nesses casos, é importante levar em conta os aspectos do local, assim como já mencionado, as especificações dos exaustores industriais não são uma ciência exata e precisa ser feita sob medida para o ambiente.

Confira abaixo três dicas de como escolher o melhor sistema de exaustão para cada tipo de ambiente:

Diferenças entre exautores eólicos e saídas de ar natural

1º) Monte um projeto detalhado para sua empresa

Para escolher o exaustor ideal para cada ambiente, é preciso fazer um planejamento detalhado da situação da sua empresa.

Este planejamento deve contemplar as particularidades do ambiente, destacando como os efluentes devem ser eliminados do ar.

Daí a importância de levantar todos os requisitos previamente.

Tudo vai depender das atividades desenvolvidas pela sua empresa.

Então procure conhecer muito bem a sua linha de produção, os produtos utilizados pela sua empresa e os efeitos de cada um deles no ar.

Lembre-se que é também uma questão de segurança no trabalho. Pois a falta de um ambiente saudável para os funcionários pode ser altamente prejudicial à saúde.

2º) Busque um fornecedor com background e boa reputação

Outra dica muito relevante é a escolha de um fornecedor experiente em projetos de sistema de exaustão para indústrias.

Isso porque a instalação de equipamentos deve estar 100% de acordo com as regras da associação brasileira de normas técnicas (ABNT).

Esta é a única maneira de garantir a segurança do ambiente e dos trabalhadores da sua empresa.

Verificar as credenciais da empresa fornecedora, conversar com outras indústrias que sejam clientes e verificar qual a reputação no mercado pode ser muito útil para avaliar suas opções.

Além do mais, ajudará você a tomar a decisão certa.

Afinal, a experiência em outros projetos parecidos pode ser muito favorável na hora de projetar e implementar a melhor solução.

3º) Não leve o preço como principal fator de decisão

Também é importante não fazer com que o preço do sistema de exaustão seja o único fator de decisão.

Por isso que nem sempre a solução mais barata é a que tem melhor relação entre custo e benefício.

Procure instalar o equipamento corretamente dimensionado para cada ambiente da sua indústria. Assim, você não terá alto custo para instalação e o uso do exaustor não irá acarretar altos valores na conta de energia.

Há de se considerar também, que escolher erroneamente pode levar os gastos com manutenção, e até mesmo causar a troca de todo sistema instalado.

Isso acaba acarretando prejuízos para a sua empresa e ninguém quer conhecer de perto aquele famosos ditado “o barato sai caro”, certo?

Para garantir que você tenha tomado a decisão correta, conte com a TECVENT®.

Garantimos a você a melhor escolha para cada tipo de ambiente da sua indústria.

TECVENT® Soluções em sistemas de ventilação e exaustão industrial.

Share on facebook
Share on linkedin
Share on email
Share on whatsapp